Guia completo: como proteger a pintura do seu carro na chuva e no sol

carro na chuva Guia completo: como proteger a pintura do seu carro na chuva e no sol

O verão é uma época do ano em que muitas pessoas aproveitam para viajar, curtir as férias e pegar uma praia. Mas você sabia que essa estação também é prejudicial para a pintura do seu carro? Isso mesmo, o sol intenso, as chuvas e o calor excessivo podem causar danos irreversíveis à cor e ao brilho do seu veículo

Por isso, é importante tomar alguns cuidados específicos para proteger a pintura do carro na chuva e no sol durante o verão. Neste artigo vamos apresentar nove dicas essenciais para manter seu carro bonito e bem conservado. Confira!

Cote, compare e economize no seguro

Receba grátis até 17 cotações e escolha o seguro que cabe no seu bolso.

Logo Reclame Aqui A Minuto é Bicampeã do Prêmio Reclame Aqui.


1. Use capas impermeáveis

Uma forma simples e prática de proteger a pintura do carro é usar capas impermeáveis. Elas evitam o contato direto com o sol, a chuva e a poeira, que desgastam a camada de verniz e provocam manchas. 

Mas atenção: antes de colocar a capa, certifique-se de que o carro esteja limpo e seco, pois a sujeira arranha a superfície. Além disso, escolha uma capa que seja adequada ao tamanho e ao modelo do seu veículo, para evitar folgas ou rasgos.

2. Evite a chuva ácida

A chuva ácida é um fenômeno causado pela poluição atmosférica, que resulta em uma precipitação com pH abaixo de 5,6. Essa acidez pode corroer a pintura do carro, deixando-a opaca e sem vida

Por isso, se seu carro ficar exposto à chuva ácida, lave-o imediatamente com água e sabão neutro, para remover os resíduos nocivos. Se possível, aplique uma cera protetora após a lavagem, para criar uma barreira contra novas agressões.

3. Limpe o carro adequadamente

A limpeza do carro é fundamental para manter a pintura em bom estado, mas é preciso fazer isso da maneira correta. Use panos de microfibra ou algodão, que são macios e não arranham a superfície. Evite esponjas ou escovas duras, que causam riscos irreparáveis. Além disso, lave o carro na sombra ou em horários de menor incidência solar, para evitar que a água seque rapidamente e deixe marcas na pintura.

4. Proteja-se dos raios UV e UVA

O sol é um dos principais inimigos da pintura do carro, pois os raios ultravioleta (UV) e ultravioleta A (UVA) desbotam a cor e reduzem o brilho. Para evitar esse problema, opte por estacionar o carro em locais cobertos ou com sombra sempre que possível. Se não houver essa opção, use uma capa impermeável ou um protetor solar específico para carros, que cria uma película refletiva sobre a pintura.

5. Evite temperaturas extremas

Outro fator que afeta a pintura do carro é a variação de temperatura. O calor excessivo é capaz de dilatar as partículas de pigmento e alterar a tonalidade da cor. Já o frio intenso contrai as partículas e provoca fissuras na superfície. Por isso, evite estacionar o carro em locais com temperaturas extremas, como sob o sol escaldante ou em ambientes muito gelados.

6. Cuidado com plásticos e borrachas

Além da pintura metálica, o carro também possui partes de plástico e borracha, como os para-choques, os retrovisores e as maçanetas. Esses materiais também sofrem com a exposição ao sol, à chuva e ao calor, levando a ressecar, rachar ou descolar. Para evitar esses danos, use produtos específicos para hidratar e restaurar essas peças, como silicones ou ceras.

7. Faça polimento periodicamente

O polimento é um processo que consiste em lixar suavemente a camada superficial da pintura do carro, removendo as impurezas e os riscos mais leves. Em seguida, aplica-se uma massa abrasiva que restaura o brilho e a cor original

Esse procedimento é recomendado para carros com pintura desgastada ou manchada, mas deve ser feito com cuidado e moderação, pois em alguns casos reduz a espessura da pintura. O ideal é fazer o polimento a cada seis meses ou um ano, dependendo do estado do carro.

8. Aplique cera protetora

A cera protetora é um produto que forma uma camada sobre a pintura do carro, protegendo-a dos raios solares, da chuva, da poeira e de outros agentes externos. A cera também realça o brilho e a cor da pintura, deixando o carro com aspecto de novo. 

O produto deve ser aplicado após a lavagem ou o polimento, mas é preciso escolher o tipo adequado para cada tipo de pintura. Existem ceras líquidas, pastosas, sintéticas e naturais, cada uma com suas vantagens e desvantagens.

Neste vídeo, Veneto Studio ensina como manter a pintura do seu carro sempre brilhando em qualquer clima!

9. Contrate um seguro auto

Por fim, uma dica que vale para qualquer época do ano é contratar um seguro auto. O seguro auto é uma forma de garantir a proteção do seu carro contra roubos, furtos, colisões, incêndios e outros imprevistos que danificam a pintura ou outras partes do veículo. 

Além disso, o seguro auto oferece coberturas adicionais que são úteis para você, como assistência 24 horas, carro reserva, guincho e vidros. Para contratar um seguro auto com as melhores condições do mercado, conte com a Minuto Seguros, a maior corretora de seguros online do Brasil.

 

COTE SEGURO AUTO GRÁTIS

Tire suas dúvidas

O que acontece se o carro ficar no sol?

Quando o carro fica no sol, ele sofre uma série de consequências, tanto na parte externa quanto na interna. A pintura pode desbotar, rachar ou descascar, especialmente se for de cores claras. 

Há também a possibilidade dos plásticos e borrachas ressecarem e perderem a elasticidade, comprometendo a vedação das portas e janelas. Os bancos e painéis correm o risco de manchar ou queimar, dependendo do material. Além disso, o sol aumenta a temperatura interna do carro, causando desconforto e danos aos componentes eletrônicos.

O que estraga mais o carro: sol ou chuva?

Ambos os fenômenos climáticos prejudicam o carro, mas de formas diferentes. A chuva causa ferrugem, corrosão, mofo e mau cheiro, se o carro não estiver bem impermeabilizado. O sol causa desgaste, ressecamento, queimaduras e superaquecimento, se o carro não estiver bem protegido. Portanto, o ideal é evitar deixar o carro exposto a esses agentes por muito tempo e fazer uma manutenção preventiva regularmente.

É aconselhável deixar o carro no sol com capa?

A capa é uma boa alternativa para proteger o carro do sol, mas é preciso tomar alguns cuidados. A capa deve ser de um material adequado, que não retenha calor nem umidade, e deve estar bem ajustada ao veículo, sem folgas ou sobras. 

Além do mais, a capa deve ser colocada somente quando o carro estiver limpo e seco, para evitar arranhões ou manchas na pintura. A capa também deve ser retirada periodicamente para arejar o carro e evitar o acúmulo de fungos ou bactérias.

Qual cor de carro é mais resistente ao sol?

A cor do carro influencia na forma como ele absorve ou reflete a luz solar. As cores escuras tendem a absorver mais calor e desbotar mais rápido do que as cores claras. Por isso, as cores mais resistentes ao sol são as mais claras, como branco, prata ou bege. Essas cores também ajudam a manter a temperatura interna do carro mais baixa e a economizar combustível. 

No entanto, independentemente da cor do carro, é importante usar produtos de qualidade na hora de lavar e encerar o veículo, para preservar a pintura e evitar danos causados pelo sol.

Proteger a pintura do carro durante o verão é uma forma de preservar o valor e a beleza do seu veículo. Com algumas medidas simples e práticas, você pode evitar os danos causados pelo sol, pela chuva e pelo calor excessivo. Além disso, você conta com a ajuda de profissionais qualificados e produtos específicos para manter a pintura sempre em dia. E não se esqueça de contratar um seguro auto para garantir a segurança do seu carro em qualquer situação.

Gostou deste conteúdo? Acompanhe o blog da Minuto Seguros para saber mais dicas de cuidados com seu carro!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *