1. Home
  2. »
  3. Carro

Tudo o que você precisa saber sobre multas

Multas rendem muitas dúvidas nos motoristas, afinal, há diversas variações de infrações, valores, como e por que é aplicada cada uma delas… Tudo isso é bem complexo para quem não está familiarizado com a legislação, mas nós buscamos as principais dúvidas para esclarece-las.

Vale ressaltar que a partir de Novembro, as multas ficarão até 66% mais caras. As medidas já foram aprovadas no CTB (Código de Trânsito Brasileiro). Confira aqui os novos valores.

Além disso, o que muita gente pensa é o fato do aviso de radar ser obrigatório. E isso não é uma verdade. Muitos motoristas têm o hábito de acelerar e ficar acima da velocidade quando não veem esse aviso, mas são multados por conta disso. Falamos sobre o assunto aqui. Por isso, manter-se no limite imposto é sempre a melhor e mais indicada atitude.

Ainda sem seguro para seu carro?
Cote grátis seu seguro auto com a Minuto Seguros, a maior corretora online do Brasil, e receba cotações de até 16 seguradoras de uma só vez. COTE SEGURO AUTO GRÁTIS

Mas, vamos às duvidas?

Existem quantos tipos de classificações de multas?

Atualmente, as multas podem ser classificadas em quatro categorias: as leves, as médias, as graves e as gravíssimas. Tudo depende da intensidade da infração cometida. Em alguns casos, as multas podem até ser multiplicadas por um número de vezes. Dirigir embriagado, por exemplo, é um caso no qual há a multiplicação por 10.

Quais são os órgãos que podem aplicar multas?

Não são somente os “marronzinhos” que aplicam multas. A Polícia Rodoviária (Estadual e Federal), a Polícia Militar, a Guarda Municipal e os órgãos municipais de trânsito, como a CET, citada no começo e bem mais conhecida por estas ações.

Existe tolerância para multas de velocidade?

Na verdade, não é bem uma tolerância, e sim, uma margem de erro admitida para os equipamentos que fazem essa aferição. A margem é 7km/h para velocidades até 100 km/h e 7% para velocidades acima de 100km/h.

Há um prazo de duração dos pontos na minha CNH (Carteira Nacional de Habilitação)?

Sim! Esses pontos permanecem registrados por 12 meses a contar da data da multa recebida. É possível verificar a sua pontuação e a data da multa no site do DETRAN (Departamento Estadual de Trânsito).

Quantas multas posso tomar antes de perder a minha CNH?

Assim que a pontuação atingir 20 pontos ou mais num período de 12 meses, o condutor automaticamente perde a carteira. Geralmente, o primeiro período de suspensão varia de um mês a um ano, dependendo das gravidades das multas recebidas. Se você for reincidente o prazo aumenta de 6 a 24 meses.

Já para quem tem somente a Permissão Para Dirigir não pode ter nenhuma multa do tipo grave ou gravíssima e nem ser reincidente nas médias ou leves. Caso isso aconteça, ele perde a Permissão e terá que refazer todo o processo.

Existem multas que cassam a minha habilitação?

Sim! Se o motorista for pego dirigindo com a habilitação suspensa, haverá a cassação. Além disso, se ele for reincidente no período de 12 meses nas seguintes infrações, o motorista também perde a carteira:

– Dirigir um veículo no qual ele não está habilitado

– Dirigir sob o efeito de bebida alcoólica

– Disputar rachas

– Fazer manobras perigosas

– Entregar o veículo a outra pessoa sem CNH

O prazo mínimo de uma cassação é de dois anos. Passado esse período, o condutor pode solicitar novamente a carteira, passando pelos exames e procedimentos necessários.

Eu moro em São Paulo. Posso ser multado no Rio de Janeiro?

Sim, você pode ser multado em qualquer estado, seja lá onde o seu veículo esteja registrado. Por causa do Registro Nacional de Infrações de Trânsito, o Renaif, existe essa possibilidade e a multa chegará à sua casa pelos Correios.

Como funcionam os descontos nos pagamentos das multas?

Ao receber o boleto para pagamento, verifique a data de vencimento e faça o pagamento até a data estipulada. Isso garante um desconto de 20% no valor total da multa. Após esse período, deve-se pagar o preço integral.

Como faço para recorrer a uma multa de trânsito?

Fizemos uma explicação bem detalhada nesse post aqui. Mas, resumindo: você terá que acessar o site do Detran ou ir até um posto de atendimento. Nos dois casos deve-se preencher o formulário de recurso de multa.

[addtoany]

Deixe o seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Sair da versão mobile