Aqui no blog da Minuto Seguros você encontra dicas e notícias sobre seguros, carros, casas, eletrônicos, viagens e muito mais. Acesse e confira nosso conteúdo.

Livre-se dos vícios que podem desgastar o seu carro

Vícios que podem prejudicar seu carro

O cuidado do carro passa, não só pela revisão e a direção defensiva do condutor, mas também por algumas boas práticas que evitam o desgaste precoce. Como motoristas, temos alguns hábitos que foram desenvolvidos ao longo de gerações, culminando em “vícios” que podem trazer problemas.

Pé na embreagem: ao dirigir, especialmente por longos períodos, algumas pessoas têm o costume de deixar o pé repousando na embreagem do carro. A prática pode afetar o disco, o platô, rolamentos e até o volante do motor, causando um grande prejuízo.

Acertar a guia ao estacionar: sempre fique atento na hora de estacionar para não bater o pneu no meio-fio. Batidas ou raspagens podem rasgar o pneu, desalinhar o carro e até afetar a roda.

Descida “na banguela”: colocar o carro em ponto morto e descer ladeiras para economizar combustível. Esse “vício”, que já foi revelado que não funciona, afeta e sobrecarrega o sistema de freios, pois o ponto morto impede a ação do freio motor.

Combustível na reserva: além de ser sempre um risco por conta da pane seca, andar com o carro sempre na reserva suja o tanque e pode queimar o motor da bomba elétrica de combustível. Um novo equipamento não é barato.

Quebra-molas na diagonal: ação comum realizada por donos de carros rebaixados, passar no quebra-molas em diagonal pode afetar o veículo a longo prazo. Ruídos e desalinhamento são algumas das consequências.

Alinhamento: deixar de fazer o alinhamento do carro de tempos em tempos, além de prejudicar a condução do motorista, desgasta os pneus de forma assimétrica e aumenta o gasto de combustível.

Lavagem do carro: alguns donos vivem adiando a lavagem do carro, por mais sujo que ele esteja. Quem faz isso, precisa saber que certos dejetos como sementes de árvores e fezes de pássaros podem manchar a pintura se não forem retirados logo.

Existem muitas outras dicas importantes para seguir e evitar o desgaste precoce do veículo. O mais importante é manter sempre o cuidado e não se esquecer que consertos podem sair bem caros.

Evite transtornos. Faça também um Seguro Auto para proteger seu bem de acidentes, roubos e furtos e outros acontecimentos que possam atrapalhar a sua rotina.