Aqui no blog da Minuto Seguros você encontra dicas e notícias sobre seguros, carros, casas, eletrônicos, viagens e muito mais. Acesse e confira nosso conteúdo.

Minuto Seguros apresenta o valor do seguro dos carros mais vendidos de agosto

Uma das principais corretoras do País e líder no segmento de seguros online, a Minuto Seguros apresenta um estudo com base na lista divulgada pela Fenabrave (Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores) com os carros mais vendidos no Brasil em Agosto de 2017.

O Chevrolet Onix figura no topo do ranking há mais de dois anos, desde Agosto de 2015. No mês passado, foram 18.513 unidades comercializadas, superando a marca de 15.234, referente à julho. Na segunda colocação, está o HB20 da Hyundai, com 10.377 automóveis vendidos, seguido do Ford Ka, com 7.631, fechando o Top 3. O trio vem reinando absoluto nesse ranking.

A Minuto Seguros avaliou os preços dos seguros em cinco capitais diferentes: São Paulo (SP), Rio de Janeiro (RJ), Belo Horizonte (MG), Florianópolis (SC) e Salvador (BA). O estudo considerou como perfil um condutor homem, de 35 anos e casado.

Para esse tipo de perfil, o preço do seguro do HB20 pode apresentar uma diferença de R$ 1.893 entre as capitais, a maior entre os carros cotados. No Rio de Janeiro ficou em R$ 3.466, enquanto que, em Santa Catarina, o modelo apresentou um valor de R$ 1.573, menos da metade do preço. Por outro lado, a cotação do Fiat Mobi Easy é a que possui a menor diferença entre os veículos listados. Em Florianópolis, o valor é o mais baixo, R$1.365, e no Rio o mais alto, R$2.119, uma distância de R$ 754.

Dos locais avaliados, Santa Catarina é o que possui o seguro mais barato para todos os carros analisados. Por outro lado, o Rio de Janeiro é a capital que apresenta os preços mais altos para oito dos dez automóveis listados abaixo. Você pode acompanhar os valores do seguro dos 10 carros mais vendidos do Brasil nos últimos meses aqui: marçoabrilmaio, junho e julho

Deixe uma resposta

É permitido HTML básico. O seu endereço de email não será publicado.

Assinar o feed deste comentário por RSS