1. Home
  2. »
  3. Carro
  4. »
  5. Dicas

Freio automático: como funciona este recurso?

À medida em que o tempo passa, os carros vêm equipados com cada vez mais tecnologias que visam facilitar a vida dos motoristas. Afinal, o mercado automotivo está sempre em busca de melhorias. Pois um dos quesitos que recebe atenção especial é a segurança. Por isso, foi desenvolvido o freio automático, um sistema que tem como objetivo evitar, ou ao menos atenuar, colisões no trânsito.

carro

Por falar no assunto, os freios do veículo são um assunto importante justamente por serem componentes fundamentais da segurança. Então, é necessário ficar atento aos possíveis barulhos do freio e ao momento de trocar as pastilhas, por exemplo, bem como ao modo de funcionamento do tipo de freio do seu automóvel, seja ele a tambor, eletrônico (cuja função é substituir o freio de mão), ABS ou disco.

Outra questão importantíssima referente à segurança é a contratação de um seguro auto. Afinal, trata-se do modo mais efetivo de proteger o seu veículo de possíveis sinistros, como roubo ou furto e colisões. Além disso, presta todo o auxílio em casos de imprevistos por meio da assistência 24 horas

Por isso, faça a sua cotação com a Minuto Seguros, a maior corretora de seguro auto do Brasil. Trabalhamos com mais de 10 seguradoras, que estão entre as melhores do País. Dessa forma, garantimos uma proposta ideal que esteja de acordo com o seu perfil.

Para cotar, basta preencher o formulário clicando no botão abaixo. Se preferir, ligue grátis para 0800 773 3000 e fale diretamente com um consultor.

COTE SEGURO AUTO GRÁTIS

Freio automático

O que é o freio automático e como ele funciona?

Conhecido como sistema de frenagem automática, o freio automático é uma tecnologia que visa aumentar a segurança tanto dos ocupantes do próprio veículo quanto o de outras pessoas no trânsito. Isso porque ele funciona como um recurso de emergência em caso de uma colisão iminente. Dessa forma, seu objetivo é evitar que haja batidas e, consequentemente, pessoas feridas por conta de acidentes nas vias. 

freio automático

Apesar de ter diferentes tipos de sistemas desenvolvidos, de acordo com cada fabricante, de modo geral, a premissa do freio automático simples. De frear o carro mesmo sem que o motorista tenha realizado essa ação em uma situação de risco. A tecnologia City Safety, da Volvo, por exemplo, cruza os dados da velocidade do veículo com a distância para o automóvel da frente, medida por sensores.

Se o sistema considerar que pode haver colisão em até 1,5 segundo, ele aciona o freio automático e para o automóvel, caso esteja rodando em até 50 km/h. Se a velocidade estiver superior a este número, será exercida uma pressão nos freios para diminuí-la. Aliás, este dispositivo, especificamente, também funciona com outros corpos à frente, mesmo que não sejam carros. Ou seja, se a colisão iminente for com pedestres ou postes, por exemplo, o impacto também será evitado ou amenizado.  

Contudo, nem todos os sistemas de freio eletrônico reconhecem outros corpos à frente que não sejam veículos. Por isso, é necessário verificar como cada um funciona. 

Existem carros no Brasil com este recurso?

Embora no Brasil este recurso ainda não esteja presente na maioria das versões de entrada dos automóveis, vários modelos já contam com o freio automático em suas linhas mais equipadas. Para exemplificar, listamos alguns dos modelos mais populares disponíveis no mercado brasileiro que contam com o assistente de frenagem. 

Nissan Kicks 1.6 SL Pack Tech 

Terceiro colocado entre os utilitários mais vendidos em 2018, o Nissan Kicks possui em sua versão 1.6 SL Pack Tech um pacote bem servido no quesito segurança. Além de contar com controle inteligente em curvas e também controle de estabilidade e tração, o SUV possui um sistema de freio automático. Este é, inclusive, um dos motivos que fazem do veículo na montadora japonesa um dos melhores carros para família.  

No sistema do Kicks, trata-se do alerta de colisão com assistente inteligente de frenagem, que  possui três etapas de alarme. Em primeiro lugar, emite apenas um aviso sonoro e visual no painel do veículo. Caso não tenha sido suficiente para o motorista agir, há novamente aviso visual e no painel, mas desta vez, também com frenagem parcial. Se mesmo assim o risco persistir, num terceiro momento acontece a frenagem total do automóvel. 

Preço: a partir de R$ 105.190

COTE SEGURO DO NISSAN KICKS

Volvo V40 Kinetic

Você se lembra da tecnologia City Safety, que mencionamos lá em cima? Pois ela é utilizada no Volvo V40 Kinetic. Diferentemente do Kicks, o sistema de freio automático está presente na versão de entrada do modelo. Além de contar com o recurso para evitar ou atenuar colisões com veículos à frente, ele possui o alerta de frenagem brusca. Este dispositivo faz com que as luzes de freio pisquem quatro vezes por segundo para avisar quem vem atrás que o automóvel teve rápida desaceleração.  

Preço: a partir de R$ 109.950

COTE SEGURO DO VOLVO V40

Volkswagen Golf GTI 2.0

Outro veículo que também possui o freio automático como opção é o Volkswagen Golf. Conhecido por ser um dos carros mais seguros do Brasil, o modelo da montadora alemã possui diversos equipamentos voltados à segurança em sua versão de entrada. No entanto, ao contrário do V40, é preciso adquirir o pacote premium, que é opcional, para contar com a tecnologia do assistente de frenagem.  

golf freio

O sistema utilizado no Golf é o ACC & Front Assist, que monitora o trânsito à frente por meio do seu radar. Assim como as tecnologias dos outros automóveis citados, ele também desacelera o carro mediante perigo de batida. Um diferencial é a proteção pós-impacto, que também aciona os freios após um primeiro impacto, a fim de evitar que hajam outras colisões.     

Preço: a partir de R$ 161.225 (incluindo o pacote premium)

COTE SEGURO DO GOLF

Freio automático será obrigatório? 

Embora alguns veículos apresentem o sistema com freio automático no mercado brasileiro, o País está muito distante de ter todos os seus automóveis com este equipamento de segurança. Já no exterior, diversas nações se comprometeram a tornar o recurso obrigatório a partir de 2020. O Japão deve ser o primeiro a fazer essa exigência para os carros vendidos em seu território. Já os países membros da União Europeia e os Estados Unidos devem colocar em prática essa regulamentação até 2022. 

Ficou com alguma dúvida sobre o freio automático? Mande pra gente por meio dos comentários abaixo!

5 / 1 voto

Deixe o seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *