1. Home
  2. »
  3. Carro
  4. »
  5. Listas

Veja a lista dos carros mais roubados no Brasil em 2018

Ser dono de um automóvel é ter conforto e praticidade, mas também traz uma série de preocupações e necessidade de cuidados. Além da manutenção das peças em geral, como pastilhas do freio ou embreagem do carro, por exemplo, outros fatores exigem atenção do proprietário. Um exemplo é o índice de roubo registrado no país o veículo. automóvel. Ou seja, se ele é muito “visado” pelos olhos do mundo do crime. Por conta disso, fizemos uma lista com os carros mais roubados no Brasil em 2018. Assim, você pode conferir se o seu carro faz parte do ranking.

A lista feita pela Susep (Superintendência de Seguros Privados) mostra o ranking dos carros mais roubados no Brasil em 2018 que possuem seguro. Infelizmente, essa não é uma notícia boa para quem já é proprietário ou deseja adquirir algum desses veículos. Embora o risco de sofrer um assalto no trânsito exista para todos os automóveis, alguns são mais desejados pelos ladrões.

Os automóveis da lista que apresentaremos possuem uma sinistralidade alta. Isso, invariavelmente, implica em um preço mais caro no momento de contratar um seguro, por exemplo. Pois, as seguradoras estipulam uma parte do custo da apólice com base no risco de acontecer um sinistro.

Seguro auto

Falando no seguro auto, esse é o único serviço que protege o proprietário do automóvel de riscos que não são possíveis prever quando acontecerão, seja roubo e furto ou até mesmo colisão com terceiros. Por isso, faça uma cotação com a Minuto Seguros. Trabalhamos com mais de 10 seguradorasdo mercado, que estão entre as principais do Brasil. Dessa forma, garantimos uma proposta adequada ao seu perfil.

Basta preencher o nosso formulário de cotação clicando no botão abaixo ou, se preferir, ligue grátis para 0800 773 3000 e fale diretamente com um consultor.

COTE SEGURO AUTO GRÁTIS

Agora, confira a lista dos carros mais roubados no Brasil no último ano.

Carros mais roubados no Brasil em 2018

Para calcular o ranking dos carros mais roubados no Brasil, a Susep utiliza o Índice de Veículos Roubados (IVR). É importante esclarecer que são computados no cálculo apenas os veículos que possuem um seguro contratado.

E, para o resultado ser justo, a conta leva em consideração não apenas o número total de roubos que aconteceram com um determinado modelo, mas também analisa a quantidade de unidades do veículo em questão que estão rodando. Portanto, aquele automóvel que possui maior quantidade de ocorrências de roubos no geral, não necessariamente vai ser o primeiro da lista.

Para facilitar o entendimento, vamos a um exemplo real: Hyundai HB20 contra Volkswagen Amarok. Olhando apenas para a quantidade de roubos, o HB20 possui 2.265 ocorrências e a Amarok, 178. Dessa forma, o hatch aparenta ser um veículo mais propenso a sofrer um roubo. Mas, em 2018, foram registradas 176.856 unidades do modelo com seguro, contra 12.637 da picape.

Aplicando o IRV neste caso, o cenário inverte, pois, o índice de roubo do HB20 fica em 1,28%, enquanto o da Amarok é de 1,40%. Ou seja, quando fazemos a conta considerando os dados no geral, a picape vai ser o veículo com maior chance de sofrer roubos.

Lista dos mais roubados

1° Fiat Stilo

O primeiro colocado e o preferido pelos ladrões com certeza é conhecido por grande parte dos brasileiros. O Fiat Stilo foi um hatch médio vendido em nosso país entre os anos de 2002 e 2010. No entanto, saiu de linha para dar lugar ao Fiat Bravo.

Número de veículos: 5.200 – Sinistros: 93 – Índice de roubo: 1,78%

2° Fiat Siena

A segunda posição dos carros mais roubados no Brasil também é da montadora italiana Fiat. Desta vez, o Siena. A primeira versão chegou ao país no ano de 1997, já a última, em 2016. A partir daquele ano, o veículo mudou o nome para Grand Siena.

Número de veículos: 28.964 – Sinistros: 477 – Índice de roubo: 1,64%

3° Kia Cerato

O Kia Cerato ocupa a terceira posição do ranking. Em sua data de lançamento, esse carro era considerado acima do preço justo para o que ele oferecia. A primeira versão do modelo é de 2007, porém, ele segue sendo vendido até hoje.

Número de veículos: 10.840 – Sinistros: 176 – Índice de roubo: 1,62%

4° Hyundai Veloster

O Hyundai Veloster, apesar de seu preço relativamente alto, fez sucesso e caiu no gosto dos brasileiros por conta de seu design inovador. Mas, após somente quatro anos em nosso mercado automotivo, deixou as concessionárias em 2014.

Número de veículos: 2.003 – Sinistros: 32 – Índice de roubo: 1,59%

5° Fiat Toro

Surpreendentemente, a picape Toro, da Fiat, fecha a nossa lista dos carros mais roubados no Brasil. O veículo foi lançado em 2016 e ocupa até hoje a posição de automóvel mais caro no portfólio da montadora.

Número de veículos: 14.866 – Sinistros: 235 – Índice de roubo: 1,58%

Esses foram os carros mais roubados no Brasil em 2018, de acordo com IVR calculado pela Susep. Se houver dúvidas, deixe nos comentários abaixo!

2.95 / 59 votos

Deixe o seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Sair da versão mobile