Aqui no blog da Minuto Seguros você encontra dicas e notícias sobre seguros, carros, casas, eletrônicos, viagens e muito mais. Acesse e confira nosso conteúdo.

Qual a diferença entre alinhamento e balanceamento?

 

alinhamento e balanceamentoRealizar as manutenções do carro é muito importante. Mas, isso nem sempre significa que sabemos tudo o que está acontecendo. Claro que algumas delas, como a troca de óleo ou a calibragem de pneus, são mais conhecidas e não geram tantas dúvidas. Só que quando falamos de alinhamento e balanceamento, você sabe exatamente qual a diferença entre os dois serviços?

Para ajudar no processo, vamos dar duas explicações bem diretas para saber se o seu veículo precisa ser alinhado, balanceado ou os dois.

Ao dirigir, solte o volante por um breve momento. Se ele puxar para a direita ou para a esquerda, significa que ele precisa ser alinhado. Agora, se você notar que o volante está vibrando ou o carro está apresentando barulhos em determinadas velocidades, significa que as rodas precisam passar por um balanceamento.

E, para ficar mais claro, que tal ver a importância de cada um e como é feito o processo? Confira mais abaixo:

Por que é importante alinhar e como funciona essa manutenção?

O alinhamento serve para ajustar os ângulos das rodas, mantendo-as retas em relação ao solo e paralelas entre si. Isso ajuda que o motorista não perca o controle do carro em curvas, por exemplo. Um carro alinhado evita acidentes e garante uma direção muito mais tranquila.

Além da segurança, manter o carro alinhado retarda o desgaste irregular dos pneus, aumentando a vida útil deles, influencia diretamente na economia de combustível, pois as rodas ficarão muito mais tempo em atrito com o solo e, por último, previne o deslocamento do veículo com uma dirigibilidade firme e sem surpresas.

Por que é importante balancear e como funciona essa manutenção?

O balanceamento permite que as rodas girem sem provocar vibrações. Realizar essa manutenção é essencial para que haja conforto na condução do carro e na acomodação dos passageiros, além de influenciar diretamente no desempenho dos pneus.

Quando essa manutenção é mal feita nota-se isso em diversos aspectos, como: trepidação do volante, bancos, painel de acessórios e piso do carro.

Deixe uma resposta

É permitido HTML básico. O seu endereço de email não será publicado.

Assinar o feed deste comentário por RSS