Aqui no blog da Minuto Seguros você encontra dicas e notícias sobre seguros, carros, casas, eletrônicos, viagens e muito mais. Acesse e confira nosso conteúdo.

Viagens low cost: não deixe a grana curta atrapalhar seu roteiro!

Viajar barato realmente é algo extremamente atrativo para quem gosta de explorar o mundo. Há diversas maneiras para fazer isso, aproveitando passagens aéreas baratas, usando milhas, se hospedando em hostels e muito mais. Mas, para quem não se cansa de conhecer alternativas novas e aproveitar o melhor da economia nessa categoria, apresentamos as viagens low cost. A tradução literal dessa expressão é “baixo custo, baixa tarifa”. Ou seja: a realização de um sonho para muitas pessoas. E acredite, não é algo complexo de ser feito, algumas pesquisas irão mostrar que o caminho é muito simples.

Viagens low cost

Há esse tipo de viagem espalhada pelo mundo todo, mas na Europa um grande número de empresas aéreas oferece bilhetes com custos bem mais acessíveis. A Ryanair e a Easyjet são as mais tradicionais e conhecidas, dando a possibilidade de muitas pessoas conhecerem o Velho Continente por valores bem mais acessíveis. As viagens low cost estão revolucionando o transporte aéreo, afinal, quem é que não gostaria de viajar mais gastando menos?

O conceito low cost, que teve seu início nos anos 90 com algumas empresas na Europa, mudou radicalmente o mercado e fez com que os gigantes da aviação ficassem desestabilizados com os preços ofertados. Só que, atualmente, mais do que passagens baratas, o método passou a oferecer mais possibilidades e englobar outros fatores além dos ótimos preços de bilhetes. Hospedagens, jeitos alternativos para conhecer os pontos turísticos, uso de transporte público, basicamente, a vivência de um cidadão local.

Porém, há algumas coisas que não podem ser economizadas e nem esquecidas, assim como um seguro viagem. Para garantir que o seu roteiro seja tranquilo e não tenha empecilhos que prejudiquem a sua estadia fora da sua zona de conhecimento, fazer um seguro é essencial. Na Minuto Seguros você pode fazer a sua cotação gratuitamente em pouco tempo e receber os valores por e-mail. Faça sua cotação agora!

Se tiver dúvidas sobre o seguro viagem, leia este texto aqui!

CLIQUE PARA COTAR SEGURO VIAGEM

Pesquise bem as empresas que oferecem as viagens low cost

Claro que nem tudo pode ser as mil maravilhas e viajar de graça requer outras alternativas, possíveis, mas não nesse caso. Para conhecer e ter acesso às empresas e às promoções que elas oferecem, faça uma pesquisa prévia da reputação de cada uma. Esteja convicto que elas são idôneas e irão cumprir com o que prometem.

Após certificar-se da qualidade das empresas, procure jeitos para ficar a par de todas as promoções que elas oferecem. Assinar as newsletters e boletins informativos de promoções é o melhor jeito. E ao receber uma oferta inesperada, com preço imbatível e na data que estava querendo, compre! Essa oportunidade pode não aparecer outra vez e o arrependimento é quase uma certeza. Atualmente, muitos sites de comparadores de preços de viagens podem ajudar, como o Skyscanner, o WhichAirline e o Europelowcost, que fazem pesquisas de viagens low cost e normais. Vale conhecer e começar a se programar para o seu próximo destino.

E não se esqueça: após pesquisar as passagens, faça a compra diretamente no site da companhia. Esses sites taxam as passagens. Mesmo mostrando o valor mais barato, você ainda consegue um preço melhor por meio do site oficial e não dos comparadores.

Viagens low cost não se resumem apenas nas passagens

Apesar de ser parte importante do planejamento das viagens, as passagens são somente as primeiras etapas. E a hospedagem? E os roteiros? E o transporte pela cidade? E a alimentação? Conceito das viagens low cost pode estar em muitos lugares e a economia ser ainda maior

Para tudo há uma alternativa mais em conta, sem desqualificar a viagem, apenas retirando algumas regalias. Os voos low cost, por exemplo, não deixam a desejar para nenhum outro. Você pode substituir o videogame ou telas interativas oferecidas pelos aviões normais por um bom livro ou uma revista já que as viagens low cost são bem menos equipadas. Esse é um dos motivos para que as passagens fiquem mais baratas e acessíveis.

Hospedagens também devem fazer parte das viagens low cost

É claro que é muito legal fazer viagens cheias de luxo e com o máximo de regalias possíveis. Uma viagem a dois ou conhecer destinos fantásticos espalhados pelo mundo são boas horas de abusar das opções diferentes, incluindo hotéis incríveis. Mas, se o seu pensamento está focado nas viagens low cost, pense, primeiramente, em hotéis baratos e bem em conta. Se ainda assim o custo estiver elevado, você pode recorrer aos hostels, que são lugares bem legais para conhecer novas pessoas, culturas, pagando um preço bem baratinho.

Se pararmos para pensar, o intuito da viagem é aproveitar ao máximo todos os lugares possíveis da nova cidade, então, o local da hospedagem não precisa ser totalmente relevante. Uma boa cama para repor as energias é o principal. Vale uma pesquisa em sites especializados em hotelaria para saber como é a estrutura do hostel que você está pensando em ficar.

Aproveite o transporte público para as viagens low cost

Alugar carro? Que nada! Vamos viver a vida na cidade como um local. Usar metrô, pegar ônibus, andar a pé e conhecer cada detalhe. Além de ser extremamente econômico, é um jeito mais simples de conhecer a cidade minuciosamente. Até conhecer algumas pessoas e pedir carona é um jeito mais acessível e barato.

O aluguel de carros é legal, mas não precisa fazer parte das suas viagens low cost. Talvez essa opção seja válida quando você fechar um pacote de viagem, mas como o intuito é viajar por conta e economizar ao máximo, aposte em logísticas mais alternativas, como as citadas anteriormente.

Passeios turísticos podem ser uma furada

Viajar para o Rio de Janeiro e conhecer o Cristo Redentor é incrível, mas o custo para acessar, efetivamente, uma das sete maravilhas do mundo é muito alto para quem está querendo economizar. Mas, o fato de você estar bem próximo e passar perto dele já é algo fantástico e que pode render belíssimas fotos e momentos. Deixe para conhecê-lo de perto quando tiver uma verba sobrando. Essa máxima funciona para todos os pontos turísticos de uma cidade. Não é que não valha a pena conhecer, mas busque maneiras econômicas de estar perto do que você quer.

Uma boa opção é sempre aproveitar a baixa temporada e ainda visitar os pontos turísticos em dias de semana. Ou mesmo aproveitar certos dias em que a entrada é gratuita, como no Museu do Louvre que, no primeiro domingo do mês, a entrada é totalmente grátis.

Com um pouco de criatividade é possível realizar todos os passeios desejados, mas de uma forma barata e econômica.

E você, já fez uma viagem low cost? Passou alguns perrengues ou conseguiu aproveitar? Conte pra gente nos comentários!

Deixe uma resposta

É permitido HTML básico. O seu endereço de email não será publicado.

Assinar o feed deste comentário por RSS