Home » Carro » Dicas

Entenda como funciona o escapamento esportivo

Sem sombra de dúvidas, o escapamento é uma das partes mais importantes do carro. Caso essa peça não esteja funcionando perfeitamente, o veículo pode sofrer danos em diversas partes, como o desempenho do motor e o gasto excessivo de combustível. Esses problemas estão atrelados, principalmente, aos danos que foram causados nas peças do escapamento ou até mesmo a má fixação. Por isso, é importante sempre manter as manutenções preventivas e preditivas em ordem, principalmente quando falamos em escapamento esportivo.

escapamento esportivo

Para aqueles que ainda não sabem, há modelos de carros com diferentes composições de escapamento, sendo eles os normais, esportivos ou super esportivos. Os veículos um pouco mais potentes, por exemplo, são modelos que tendem a usar escapamento esportivo para dar mais potência e ganho de tocada nos automóveis.

Tudo isso é muito importante, mas, não podemos nos esquecer de um detalhe na hora de comprar um carro: fazer um seguro auto. Essa é a proteção mais indicada para todas as pessoas que se preocupam com o seu bem e com o investimento que fez no vepiculo. Cote o seu seguro na Minuto Seguros, a maior corretora online do país. Faremos uma proposta de acordo com o seu perfil e as suas necessidades. Clique no botão para cotar ou ligue para 0300 773 3000 e fale com um de nossos consultores.

COTE SEGURO AUTO GRÁTIS

Agora, no que se refere ao escapamento esportivo, essa peça tem uma funcionalidade diferente do escapamento normal. Para entender a diferença entre os dois modelos, é importante analisar como as peças trabalham no veículo.

Como funciona um escapamento?

escapamento esportivo - como funciona?

O escapamento, peça presente em carros e motos, tem como função, fazer a saída dos gases usados na combustão. O propósito é filtrar o ar para ele não sair poluído de forma excessiva, além de não gerar barulhos e ruídos desnecessários.

Com o sistema de exaustão em bom funcionamento, ele irá contribuir também diretamente para o torque do carro, potência e consumo de combustível. No entanto, é importante verificar as normas do CONTRAN e CONAMA. Tudo isso em prol do meio ambiente e do desempenho 100% do motor.

E o escapamento esportivo, como funciona?

escapamento esportivo - como funciona o escapamento esportivo?

O escapamento esportivo é composto por seis peças: coletor de escape, tubo, silenciador, catalisador, abafador e ponteira. Dentre essas , cada uma tem sua função para um perfeito funcionamento.

O coletor, como o próprio nome diz, é a peça que coleta os gases resultantes da combustão. O tubo é responsável por fazer a ligação entre os componentes do sistema. O silenciador, é importante para minimizar os barulhos causados pelo sistema do escapamento esportivo. Já o catalisador purifica os gases que são mais prejudiciais a saúde, emitindo um gás bem mais limpo. O abafador que oculta os ruídos mais grosseiros e por fim, a ponteira que tem uma função mais estética.

Todas essas peças são fixadas por abraçadeiras, evitando que o escapamento fique solto. É importante fazer uma revisão desse sistema entre 10 e 20 mil quilômetros rodados.

O escapamento esportivo pode ter melhorias?

escapamento esportivo - fazer melhorias

Sim! E uma das formas, por exemplo, é trocando o coletor. Você pode substituir o coletor original do carro por um dimensionado que otimiza a distribuição dos gases dos cilindros para o tubo, assim até aumenta alguns cavalos de potência.

Além disso, há a opção de fazer a substituição do abafador original por um abafador esportivo. Além de alterar o ronco do motor, deixando-o mais potente, a peça influencia diretamente na liberação de gases, o que pode interferir na potência.

Gostou da matéria? Compartilhe e avalie!

Deixe o seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *