Passo a passo de como fazer a transferência de veículo

ear cnh onde fica Passo a passo de como fazer a transferência de veículo

Quer aprender o passso a passo de como fazer a tranferência de veículo? Então, você está no lugar certo. Continue lendo e veja tudo que você precisa saber para transferir seu carro.

A transferência de veículo é um procedimento essencial para regularizar a mudança de propriedade de um automóvel no Brasil. Neste guia, vamos apresentar o passo a passo para realizar a transferência, desde a definição do processo até os documentos necessários e os cuidados a serem tomados.

Economize até 30% no seguro auto

Proteja seu carro e seu tempo de descanso com um seguro auto que cabe no seu bolso.

Logo Reclame Aqui A Minuto é Bicampeã do Prêmio Reclame Aqui.


Além disso, responderemos às principais dúvidas relacionadas à transferência de veículos, proporcionando um conhecimento abrangente sobre o assunto.

O que é transferência de veículo?

A transferência de veículo é o ato de registrar a troca de propriedade de um veículo automotor perante os órgãos competentes de trânsito. É um procedimento obrigatório para garantir que o novo proprietário assuma as responsabilidades legais e financeiras relacionadas ao veículo.

Quando devo fazer a transferência do veículo?

A transferência do veículo deve ser realizada sempre que houver uma mudança de propriedade, seja por compra, venda, doação, herança ou qualquer outra forma de transferência. A legislação brasileira estabelece um prazo, geralmente de 30 dias, a partir da data de aquisição, para efetuar a transferência e evitar possíveis penalidades.

Documentos são necessários para a transferência

Para realizar a transferência de veículo, é necessário reunir alguns documentos importantes, tais como:

  • Documento de identificação (RG ou CNH) do comprador e do vendedor;
  • CPF do comprador e do vendedor;
  • Comprovante de residência atualizado;
  • Certificado de Registro de Veículo (CRV) preenchido e assinado pelo vendedor;
  • Certificado de Registro e Licenciamento do Veículo (CRLV) original ou documento digital;
  • Comprovante de pagamento de débitos e taxas relacionados ao veículo.

Passo a passo para fazer a transferência de veículo

Aqui está um passo a passo simplificado para fazer a transferência de veículo:

  1. Verifique se o veículo não possui pendências: Antes de iniciar o processo de transferência, verifique se o veículo não possui multas, débitos de IPVA, licenciamento em atraso ou qualquer outra pendência. Regularize essas situações antes de prosseguir.
  2. Reúna os documentos necessários: Os documentos necessários podem variar de acordo com o estado, mas geralmente incluem:
    • Documento de identificação (RG ou CNH) do comprador e do vendedor;
    • CPF do comprador e do vendedor;
    • Comprovante de residência atualizado;
    • Certificado de Registro de Veículo (CRV) preenchido e assinado pelo vendedor;
    • Certificado de Registro e Licenciamento do Veículo (CRLV) original ou documento digital;
    • Comprovante de pagamento de débitos e taxas relacionados ao veículo.
  3. Preencha corretamente o CRV: O vendedor deve preencher todas as informações solicitadas no Certificado de Registro de Veículo (CRV), incluindo dados do comprador e valores da transação. Certifique-se de que todas as informações estejam corretas e legíveis.
  4. Assine o CRV junto com o comprador: O vendedor e o comprador devem assinar o CRV no campo indicado. As assinaturas devem ser idênticas às presentes nos documentos de identificação.
  5. Assinando o documento: O vendedor e o comprador devem assinar o Certificado de Registro de Veículo (CRV) no campo indicado. Não é necessário reconhecer firma das assinaturas em cartório. Basta que as assinaturas sejam idênticas às presentes nos documentos de identificação.
  6. Efetue o pagamento das taxas de transferência e demais valores devidos: Consulte o Detran do seu estado para verificar as taxas e valores a serem pagos. Geralmente, incluem taxas de transferência, vistoria (se aplicável) e possíveis débitos pendentes.
  7. Dirija-se ao órgão de trânsito competente: Com todos os documentos em mãos e as taxas pagas, dirija-se ao órgão de trânsito competente do seu estado, que geralmente é o Detran ou Ciretran. Apresente os documentos solicitados, incluindo o CRV preenchido, CRLV original ou documento digital e comprovantes de pagamento.
  8. Receba o novo CRLV em nome do comprador: Após a análise dos documentos e a efetivação da transferência, o novo Certificado de Registro e Licenciamento do Veículo (CRLV) será emitido em nome do comprador. Certifique-se de conferir os dados presentes no novo documento.

É importante lembrar que os procedimentos e exigências podem variar de acordo com o estado. Por isso, é recomendado consultar o Detran local para obter informações atualizadas e precisas sobre o processo de transferência de veículos.

Ainda está na dúvida sobre como fazer a transferência do veículo? Então assista ao vídeo abaixo, onde o Doutor Multas, explica de maneira aprofundada como fazer a transferência.

Tire suas dúvidas

Veja abaixo as respostas para as principais dúvidas sobre como transferir um veículo.

Posso andar com veículo registrado no nome de outra pessoa?

Não é proibido conduzir um carro registado em nome de outra pessoa caso ele seja emprestado ou compartilhado, mas se você comprou o carro é necessário fazer a transferência.

Isso porque  ao andar com um veículo no nome de outra pessoa pode acarretar em problemas legais, caso ocorra algum incidente ou infração de trânsito. Em caso de acidentes, por exemplo, o proprietário registrado pode ser responsabilizado legalmente, mesmo que não esteja conduzindo o veículo.

O que é dupla transferência?

A dupla transferência ocorre quando um veículo é vendido várias vezes sem que as transferências anteriores tenham sido realizadas. Nesses casos, todas as transferências pendentes devem ser regularizadas até chegar ao comprador atual.

É possível fazer a transferência de um veículo online?

Em alguns estados brasileiros, é possível fazer a transferência de veículo de forma online, utilizando o sistema eletrônico disponibilizado pelo Detran. No entanto, as regras e procedimentos podem variar de acordo com cada estado.

Quanto custa a transferência de veículos?

Os custos da transferência de veículos podem variar dependendo do estado e das taxas aplicáveis. Para saber o valor no seu estado consulte nosso guia sobre o valor da transferência de veículos.

Qual o prazo para transferir um veículo que vendi ou comprei?

O prazo para transferir um veículo que foi vendido ou comprado geralmente é de 30 dias, a contar da data da venda.

Precisa ir no cartório para transferência de veículo?

Não é necessário ir ao cartório para a transferência de veículo. Desde 2021, o processo de reconhecimento de firma no Certificado de Registro de Veículo (CRV) foi simplificado, e não é mais exigido o reconhecimento em cartório. Basta que o vendedor e o comprador assinem o documento, sem a necessidade de reconhecimento de firma. Esse procedimento visa facilitar e agilizar o processo de transferência de veículos.

É necessário fazer vistoria para transferência de veículo?

Em algumas situações, é necessário realizar uma vistoria veicular para atestar as condições do veículo. As exigências podem variar de acordo com o estado e as normas do Detran local.

Quais cuidados são importantes hora de transferir o veículo?

Ao realizar a transferência de veículo, é importante adotar alguns cuidados para garantir um processo tranquilo e seguro, como:

  • Verificar se o veículo não possui pendências, multas ou débitos;
  • Realizar uma vistoria cautelar para atestar as condições do veículo;
  • Preencher corretamente todos os documentos exigidos, conferindo as informações com cuidado;
  • Efetuar o pagamento das taxas e valores referentes à transferência.

Esperamos que esse guia passo a passo sobre a transferência de veículos no Brasil seja útil para você, mas que é importante sempre buscar informações atualizadas e seguir as orientações dos órgãos de trânsito para evitar transtornos.

20 comentários sobre “Passo a passo de como fazer a transferência de veículo

  1. Comprei um veículo não consegui fazer a transferência no prazo posso andar com o veículo até o vencimento do lenciciamento placa final 5 obrigado

    1. Olá, Antônio, tudo bem? Recomendamos que você faça a transferência o quanto antes. O Detran informa a importância da comunicação de venda, caso encerre o licenciamento do veículo, será cobrado ao antigo proprietário a taxa.

    1. Arthur, como vai? Recomendamos que sempre ande com a provisória, mas, também é preciso ir no órgão da sua cidade e procurar pelas soluções cabíveis no seu caso. 🙂

  2. boa noite, comprei uma carro e estou transferindo, ja fiz todos os tramites, mas ainda nao peguei a documentaçao nova. E por uma emergencia, preciso viajar, posso continuar a usar o documento anterior?

  3. Ola. No meu caso, comprei uma moto mas o antigo dono não assinou e nem reconheceu firma. Mas estou com todos os documentos do veículo inclusive o recibo em branco. Porem já estou em outro estado com a moto e não tenho mais contato com o vendedor. Tem como eu regularizar esse veículo? Fazer a transferência pro meu nome?

    1. Olá, Jean, como vai? Recomendamos que consulte o Detran do estado em que você está quais as possibilidades de fazer a transferência.

    1. Weliton, como vai? Consulte o órgão que está realizando a cobrança, e se for preciso, também fale com um advogado sobre o caso.

  4. Comprei uma moto e nao chegara em 1 mes e meio o recibo e preciso vender ela oque fazer e tem problema vender desse jeito mesmo no nome de outra pessoa pois ja sou o 3 dono

    1. Rodrigo, tudo bem? Para que você venda a moto, ela precisa estar em seu nome. Caso esteja no nome de outra pessoa, ela que precisará conduzir a venda.

  5. Bom dia

    Comprei um veiculo, estou com dut de compra e venda autenticado no cartório, ele foi quitado antes da venda, ainda conta como alienado no detran, posso pagar a taxas e fazer a transferência direta, dando baixa no gravame ?

    1. Roberto, tudo bem? Sugerimos que você espere que o carro apareça como quitado no Detran. Dessa forma a transferência será mais simples e, possivelmente, sem problemas.

  6. Boa noite!
    comprei um carro 2018 e paguei a vista e a loja da montadora que me vendeu não fornece os documentos para transferência e ja se passaram mais de 30 dias, posso devolver carro?
    obrigado.
    att.

  7. ola

    o recibo é datado em 26/09/19 o proprietario fez comunicação de venda em 27/09/19.
    dei entrada no poupatempo para transferencia do veiculo em 14/10/19 , mas por causa de uma multa que eles não conseguiam visualizar no sistema , fiquei sabendo só no retorno para pegar o documento em 22/10/19 no qual paguei a multa e dei entrada novamente, no site do poupatempo diz que leva no maximo5 dias pra ficar pronto . corro risco de alguma multa ou conta a data da entrada ?

    1. Olá, Andre, tudo bem? Essa informação deve ser checada diretamente com a instituição onde está sendo feita a transferência (Poupatempo). No entanto, também é possível contratar um despachante para checar essa informação e resolver qualquer problema que possa ocorrer nesse processo.

  8. Bom dia. Comprei um carro, já paguei o seguro, dei entrada para a transferencia, paguei todas as taxas, mas ainda não recebi o documento novo. posso viajar com o documento velho?

    1. Eli, como vai? Não é recomendado andar com o documento em nome do antigo proprietário. Porém, se for uma necessidade, recomendamos que leve todos os comprovantes sobre o documento, compra e venda do automóvel, etc.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *