Aqui no blog da Minuto Seguros você encontra dicas e notícias sobre seguros, carros, casas, eletrônicos, viagens e muito mais. Acesse e confira nosso conteúdo.

Preço do seguro no Brasil, segundo levantamento da Minuto Seguros

O Estado da Bahia é o que mais gasta, em média, com seguros automotivos no Brasil. É isso que mostra um estudo conduzido pela Minuto Seguros, uma das principais corretoras do País e líder no segmento de seguros on-line.

Segundo a Minuto Seguros, o custo para fazer o seguro de um carro é de aproximadamente R$ 1900, em média. No entanto, se consideramos o total pago por aqueles que têm seguro e dividirmos por todos os veículos em circulação para termos um dado comparativo,  isto é, veículos com e sem seguro, o valor do gasto com seguro por veículo seria R$ 634, segundo dados da Susep e Denatran. Vale ressaltar que apenas 30% da frota circulante brasileira é segurada, de acordo com a Minuto Seguros, percentual que permanece estável desde 2006.

Com uma frota de 1,65 milhões de automóveis (dados do Denatran), os baianos são os que mais gastam, em média, com seguros. Eles desembolsaram ao todo R$ 1,24 bilhão com prêmios de seguro (dados da Susep) entre julho de 2015 e junho de 2016. Assim, a proporção média de gasto com seguro por carro foi em média de R$ 753, a mais alta entre todos os estados da federação.

Com a maior população, a maior frota de veículos e o maior PIB do País, São Paulo aparece em segundo lugar, com gasto médio de R$ 732, para uma frota de 17 milhões de automóveis.

Em outras regiões, as despesas são muito menores. No Acre, por exemplo, o valor é de R$ 137 por carro. No Amapá, é de apenas R$ 191.

preço do seguro no brasil

Marcelo Blay, CEO da Minuto Seguros, comenta “a maior parcela da população dessas regiões deixa seu patrimônio desprotegido, o que é preocupante, já que para muitas famílias este é seu principal bem”, diz Blay.

Os dados da pesquisa mostram que o Brasil tem um enorme potencial a ser desenvolvido na área de seguros automotivos.

“Se a penetração nacional chegasse a 40,1% (dos 30% atuais), o aumento se traduziria em 4,5 milhões de novas apólices, que por sua vez aumentaria o faturamento do setor em mais de R$ 10 bilhões”, explica Marcelo, que lembra também que “em outros países do mundo, como os Estados Unidos o percentual da frota segurada chega na casa dos 90%”.

preço do seguro no brasil

A Minuto Seguros tem trabalhado para construir uma base sólida e colaborar para o crescimento sustentável do ramo de seguros no Brasil. “É possível criar iniciativas para atender o público das diferentes regiões. Como exemplo, podemos citar boas iniciativas em São Paulo, como a lei do desmanche, que contribuiu para redução dos furtos e roubos”, finaliza Marcelo.

Deixe uma resposta

É permitido HTML básico. O seu endereço de email não será publicado.

Assinar o feed deste comentário por RSS