1. Home
  2. »
  3. Carro

Como pagar IPVA atrasado: veja como parcelar e pagar o IPVA atrasado

Quer saber mais sobre como parcelar IPVA atrasado? Então você está no lugar certo. Nesta matéria, você vai entender isso e como fazer o pagamento também.

Novidade para quem quer renegociar os valores de pagamentos atrasados! Desde o mês de setembro de 2020, a ProcuradoriaGeral do Estado de São Paulo (PGE-SP), que é a responsável pela cobrança dos tributos estaduais, abriu a possibilidade para quem está com débitos referentes ao tributo dos carros realizar o parcelamento do IPVA e quitar as dívidas, seja do ano atual ou de anteriores.

Um dos grandes diferenciais dessa medida é a possibilidade de parcelamento no boleto – as pendências poderão ser divididas em até 10 vezes –, um grande chamariz para quem não dispõe do dinheiro à vista para o pagamento. Caso haja acordos não cumpridos em parcelamentos feitos em outras oportunidades, eles poderão ser refeitos.

Ainda sem seguro para seu carro?
Cote grátis seu seguro auto com a Minuto Seguros, a maior corretora online do Brasil, e receba cotações de até 16 seguradoras de uma só vez. COTE SEGURO AUTO GRÁTIS

Abaixo, listamos tudo o que você precisa saber sobre como pagar esse documento em atraso sem precisar desembolsar o dinheiro à vista. Mas, primeiro, vamos explicar direitinho algumas coisas. 

O que é o IPVA?

O IPVA (Imposto Sobre Propriedade de Veículos Automotores) é um imposto que incide sobre a propriedade de veículos, ou seja, se você tem um carro, precisará pagá-lo.

Vale ressaltar que ele é estadual, isso significa que somente os estados e o Distrito Federal têm competência para instituí-lo. Por não ser algo nacional, há diferenciação nas alíquotas e, consequentemente, nos preços. O IPVA de um Onix em São Paulo é diferente do valor do IPVA do mesmo modelo no Rio de Janeiro, por exemplo.

O pagamento do IPVA deve ser realizado anualmente, no início do ano, pelos proprietários de todo e qualquer veículo automotor ao qual seja exigido emplacamento. 

A arrecadação é feita da seguinte forma: 50% para o estado e 50% para o município onde a placa em questão foi colocada. E você pode saber mais sobre lendo o nosso guia do IPVA 2022!

Como saber se existe uma dívida ativa? 

Se você quer saber se ainda não pagou o seu IPVA, é possível realizar a consulta por meio do site da Secretaria da Fazenda do seu estado. É normal que a empresa ou instituição que você está devendo entre em contato, mas caso isso não ocorra, faça a consulta online.

Se você é de São Paulo, clique aqui. Se não, busque no google “Secretaria da Fazenda (nome do seu estado)”, por exemplo e a própria plataforma vai te indicar se você está devendo o IPVA. 

Além disso, os débitos também podem ser consultados no site da ProcuradoriaGeral do Estado, na página Dívida Ativa, utilizando apenas o número do documento do veículo.

Como pagar o IPVA atrasado

Após realizar a verificação da dívida, o contribuinte poderá optar por dois caminhos: realizar o parcelamento do IPVA ou fazer o pagamento na totalidade. 

Como parcelar?

Para pagar o IPVA atrasado, os proprietários de veículos devem acessar o site da Secretaria de Fazenda (Sefaz) ou do Detran do estado e emitir uma guia, calculada com as multas cabíveis e expedida com uma data de pagamento atualizada.

Confira, abaixo o passo a passo:

  • Ao acessar a página de Dívida Ativa da Procuradoria, é necessário clicar em “Consultar” e, posteriormente, em “Consultar Débitos”;
  • Na hora de escolher como pagar, existirá uma opção de “Parcelamento”. Basta clicar em cima do botão para escolher a melhor opção – lembrando que o parcelamento do IPVA pode ser feito em até 10 vezes;
  • Ao chegar no final deste processo, já será possível emitir o termo de adesão ao acordo, além, é claro, das guias de recolhimento. O pagamento desses boletos poderá ser realizado em qualquer agência bancária ou até mesmo em lotéricas.

Se houver dúvidas em relação ao processo de parcelamento de IPVA, o site oferece uma área com os manuais de parcelamento para o IPVA, além de um canal de atendimento à população.

É possível parcelar IPVA atrasado no boleto?

Sim, o contribuinte poderá liquidar ou parcelar os débitos no portal gerando boletos para pagamentos.

Qual a importância do IPVA? 

Infelizmente, pagar o Imposto sobre Propriedade de Veículo Automotor não garante ao condutor nenhum tipo de recompensa, pois o Estado não possui obrigação de destinar esse dinheiro para a prestação de serviços específicos. 

Dessa forma, cada estado define o valor e os descontos que o contribuinte deve pagar, assim como o parcelamento do IPVA atrasado.

Há 30 anos, esse imposto substituiu a TRU – Taxa Rodoviária Única, que tinha a finalidade de recuperar estradas, papel que hoje cabe às concessionárias de rodovias que cobram pedágio.

Porém, é um mito muitos acharem que o IPVA está atrelado ao compromisso de conservar e construir rodovias. Na realidade, cabe a cada governador e prefeito decidirem o que será feito com esse dinheiro. 

Uma vez que metade do valor é destinado ao Estado e a outra metade fica com o município onde o veículo estiver licenciado.  

É importante ressaltar que assim como o IPVA, a maioria dos impostos funciona dessa forma. Portanto, o mesmo dinheiro arrecadado pelo IPVA e pelo Imposto de Renda da Pessoa Física pode ter o mesmo destino

O que acontece se não pagar o IPVA?

Portar o IPVA é obrigatório para todos os condutores. Dessa forma, existem diversas consequências com os proprietários de veículos que não pagam o documento, desde multas, retenção de veículos até o nome sujo. 

Abaixo, explicamos melhor as ocasiões que cada uma dessas consequências pode ocorrer. 

Pagamento de multa

Atrasar o IPVA não gera uma multa exata, porém existe uma cobrança de 0,33% de juros por dia a ser pago após o vencimento. Se você não realizar o pagamento dentro de 60 dias, são cobrados juros fixos de 20% em cima do valor do imposto + taxa Selic.

Dentro de 90 dias sem o pagamento, o condutor entra para a dívida ativa e os juros aumentam para 40% mais os gastos com o processo judicial.

Retenção do veículo

Se o documento do carro estiver em atraso, o condutor não pode utilizar o veículo. Caso a polícia encontre o proprietário dirigindo sem o registro em dia, o carro será apreendido e aplicada uma multa gravíssima no valor de R$ 293,47. 

Quando o carro é apreendido, ele é levado para um pátio do DETRAN em que deve ser pagas as diárias do tempo que ficar lá e todas as outras taxas em atraso. 

Nome sujo

Se você está perguntando se IPVA atrasado suja o nome, a resposta é sim! Além das multas a serem pagas, após 90 dias sem o pagamento do documento, o contribuinte será cadastrado na dívida ativa, sujando seu nome. 

Além disso, o valor cresce 1% ao mês. Se o seu nome ficar sujo, é necessário ficar atento, já que, muitas vezes, os bens do proprietário são utilizados para quitar a dívida.

Proibição de fazer o licenciamento 

Além de todas as outras consequências do IPVA atrasado listadas acima, o proprietário do veículo também não consegue realizar a renovação do Certificado de Registro e Licenciamento do Veículo (CRLV), impedindo ainda mais o carro de circular nas ruas. 

Evite atrasos no IPVA 

Como já vimos, o atraso no IPVA gera diversos prejuízos ao condutor e ao proprietário do veículo. Dessa forma, se você atrasar o pagamento do documento por não possuir o dinheiro, terá que arcar com uma quantidade ainda maior pelos juros e possíveis multas e apreensão do carro. 

Então, organize-se financeiramente para não ter que arcar com os prejuízos que o atraso do IPVA pode ter. Se você estiver passando por apertos financeiros, é possível parcelar IPVA atrasado, sendo a melhor opção para não precisar deixar de dirigir o seu veículo. 

Além disso, é muito importante verificar antes de comprar um carro se será possível mantê-lo. Afinal, ele pode ter diversos custos, desde impostos até possíveis reparos em casos de acidentes. 

Outra opção que faz você economizar em casos de acidentes são os seguros veiculares. Você pode acabar perdendo um carro se não tiver dinheiro para pagar um conserto. Por isso, organização financeira é tudo. 

Evite dor de cabeça: cote seu seguro na Minuto Seguros

Mais do que proteger o seu carro com manutenções e revisões, fazer um seguro auto é essencial para garantir que ele esteja coberto nas mais diversas situações. 

Na Minuto Seguros, cotamos com mais de 16 seguradoras e montamos um plano de acordo com a sua necessidade e o seu perfil.

Quer proteger o seu carro contra qualquer imprevisto? Então faça agora mesmo uma cotação online sem compromisso com a Minuto Seguros, ou se preferir pode ligar gratuitamente para 0800 773 3000 e falar diretamente com um consultor.

[addtoany]

Deixe o seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Sair da versão mobile