Aqui no blog da Minuto Seguros você encontra dicas e notícias sobre seguros, carros, casas, eletrônicos, viagens e muito mais. Acesse e confira nosso conteúdo.

Minuto Seguros é exemplo em entrevista no Vale do Silício

Minuto SegurosA Minuto Seguros continua buscando a excelência como a principal corretora de seguros do país. Prova disso é o constante reconhecimento pelo trabalho desenvolvido ao longo de sua caminhada.

No início deste mês, a Minuto Seguros foi citada como exemplo em uma entrevista feita pelo canal do Silicon Valley Bank no Youtube. Conduzido por Andy Tsao, diretor da Global Gateway (braço da instituição financeira que olha os novos e emergentes hubs de tecnologia pelo mundo), o programa recebeu Anderson Thees, executivo da Redpoint e.ventures, fundo investidor parceiro da Minuto.

No bate papo, Anderson fala sobre a história da Redpoint e.ventures (primeiro fundo do Vale do Silício a se dedicar ao Brasil), sobre a evolução dos investimentos e de como é atuar no país. O executivo ainda falou sobre os momentos importantes do ano passado como a Copa do Mundo e as Eleições Presidenciais.

Thees falou também sobre a boa estrutura de Internet no país e na oportunidade que existe para aperfeiçoar serviços ou produtos que já funcionam bem por aqui e que podem dar ainda mais certo online, especialmente se puderem servir como modelo de sucesso para o mundo.

A Minuto é citada como o principal exemplo disso. Por ser diferente o modelo de venda de seguros do Brasil para o resto do mundo, é possível, segundo Anderson, “aprender novas formas de tratar e se relacionar com o cliente”.

Aqui, a figura do corretor é essencial para a aquisição do seguro. Isso permite criar uma relação mais longa com o cliente, algo que não acontece lá fora. Extrair aprendizados dessa interação com o consumidor e render uma parceria de sucesso são algumas das tarefas básicas.

Veja o trecho em que Anderson contextualiza e fala da Minuto (em inglês):

Traduzimos abaixo o trecho do início do vídeo até os 12min10s:

O que procuramos em termos de investimento é identificar coisas ou problemas que não foram endereçados no Brasil e procurar inspiração no Vale, China, Russia, Europa… As oportunidades que gostamos são quando é um pouco diferente no Brasil e há chance de criar algo concreto localmente que possa expandir a inovação para fora, mas que no Brasil seja grande o suficiente para trazer grandes retornos para os investidores.

Tentando dar um exemplo concreto disso, um dos nossos primeiros investimentos foi com a Minuto Seguros, uma corretora online de seguros (…). A grande diferença do Brasil para os EUA é que no país o dono do consumidor é o corretor e na América é a seguradora. Então o maior contraste em termos de modelo de negócio para nós é que a relação com o consumidor se estende por anos e anos, ao invés de ser apenas na geração do lead, no momento da primeira compra. Isso nos permite aumentar a vida útil com os clientes que atraímos.

Esse é um exemplo claro de que podemos aprender como os seguros são vendidos nos EUA ou na Inglaterra (mercados mais desenvolvidos), mas podemos extrair valor para longos períodos e oferecer um melhor serviço sob a perspectiva de um corretor que atua com os consumidores brasileiros.

Deixe uma resposta

É permitido HTML básico. O seu endereço de email não será publicado.

Assinar o feed deste comentário por RSS